O ÚLTIMO FOLHETO.

Todos os domingos à tarde, depois do culto da manhã na igreja, o pastor e seu filho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos evangelísticos.


Numa tarde de domingo, quando chegou à hora do pastor e seu filho saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também chovia muito. O menino se agasalhou e disse:


-'Ok, papai, estou pronto.'


E seu pai perguntou:


-'Pronto para quê?'


-'Pai, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. '


Seu pai respondeu:


-'Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. '


O menino olhou para o pai surpreso e perguntou:


-'Mas, pai, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?'


Seu pai respondeu:


-'Filho, eu não vou sair nesse frio. '


Triste, o menino perguntou:


-'Pai, eu posso ir? Por favor!'


Seu pai hesitou por um momento e depois disse:


-'Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. '


-'Obrigado, pai!'


Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos evangelísticos a todos que via.
Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado, mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu e caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a campainha, mas ninguém respondeu. Ele tocou de novo, mais uma vez, mas ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta.
Finalmente, este soldadinho de onze anos se virou para ir embora, mas algo o deteve. Mais uma vez, ele se virou para a porta, tocou a campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um olhar muito triste. Ela perguntou gentilmente:


-'O que eu posso fazer por você, meu filho?


'Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, este pequeno menino disse:-


'Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR.


'Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora. Ela o chamou e disse:


-'Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!


'Bem, na manhã do seguinte domingo na igreja, o Papai Pastor estava no púlpito. Quando o culto começou ele perguntou:

- 'Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?


'Lentamente, na última fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé. Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu rosto.


- 'Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha mais esperança ou vontade de viver.
Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu pensei:


-'Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora.


'Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa que estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei:


-'Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou vem me visitar.


'Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta, enquanto a campainha soava cada vez mais alta.


Quando eu abri a porta e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês! As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou com voz de querubim:


-'Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO.


'Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos.

Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto.

Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu não iria precisar mais delas. Vocês vêem - eu agora sou uma FILHA FELIZ DO REI!!!
Já que o endereço da sua igreja estava no verso deste folheto, eu vim aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno.


'Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. E quando gritos de louvor e honra ao REI ecoaram por todo o edifício, o Papai Pastor desceu do púlpito e foi em direção a primeira fila onde o seu anjinho estava sentado. Ele tomou o seu filho nos braços e chorou copiosamente.


Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela se perca, leia-a de novo e passe-a adiante.

Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém próximo a você.Não tenha medo ou vergonha de compartilhar esta mensagem maravilhosa.

Que Deus te abençoe!!!

Milagre - Grupo Ellas


Há momentos que passamos na vida
Sem saber pra onde ir
Quem somos nósPra questionar o Senhor?
Do pó nós viemos, ao pó retornaremos
Não quero mais me enganar
Sei que um dia eu estava triste
Conversando com meu pai
Em seus olhos, dizia: Eu vou conseguir
Eu vou sair daqui,Eu vou cantar o milagre
Milagre me curou, o meu Senhor
E no sobrenatural eternamente vou viver
Vou romper toda barreira
Com Jesus não há fronteiras
O milagre eu vivi, estou aqui
A Ti Senhor, a honra
A Ti Senhor, toda a glória
Por me fazer reconhecer
Que nada, nada sou sem ti, Senhor
O milagre eu vivi, estou aqui...

Jesus Cristo é o Nosso Rei!!!!

Minha Oferta – Gilson Campos


Agora entendo Deus tu sempre és o mesmo
E se importa com os seus
Quando tudo dá errado o motivo sou eu
que preciso te buscar a cada dia mais, pra te adorar
Agora entendo Deus Que o culpado pela morte na cruz era eu
Foi o maior sacrifício que o céu já recebeu
E não a nada que eu faça
Que pagará este favor, para Ti Senhor
O pardal encontrou casa pra morar
E a andorinha encontrou ninho pra pousar
Eu encontrei teu altar, Senhor meu Deus
O meu único desejo é te adorar
E a minha vida inteira te entregar em sacrifício

Chorus

Eu encontrei teu altar senhor E a minha oferta sou eu
E a minha oferta sou eu, Jesus
Eu ofereço a minha vida a Ti
E a minha oferta sou eu
E a minha oferta sou eu Jesus
Agora entendo Deus Que o culpado pela morte na cruz era eu
Foi o maior sacrifício que o céu já recebeu
E não a nada que eu faça
Que pagará este favor, para Ti Senhor
O pardal encontrou casa pra morar
E a andorinha encontrou ninho pra pousar
Eu encontrei teu altar, Senhor meu Deus
O meu único desejo é te adorar
E a minha vida inteira te entregar em sacrifício

Chorus

Eu encontrei teu altar senhor
E a minha oferta sou eu E a minha oferta sou eu, Jesus
Eu ofereço a minha vida a Ti
E a minha oferta sou eu
E a minha oferta sou eu Jesus

Se eu me posicionar
Verei tua glória em minha vida, oh Deus
Basta somente me entregar
Por completo a ti Senhor......

Lutar ou se conformar???


Muitas são as vezes que nos sentimos sozinhos, parece que só conseguimos ver a nós mesmos em meio a uma grande multidão de pessoas. Mas não podemos esquecer nunca que existe alguém que sempre vai estar ao nosso lado, que nunca nos deixa só e que está sempre pronto a nos ouvir, enxugar as nossas lágrimas e nos levantar dando-nos forças e ânimo para continuar prosseguindo. E esse alguém é Deus o único que NUNCA irá nos decepcionar ainda que nós nem mereçamos Ele sempre nos aceita de braços abertos....Talvez você que está lendo essa mensagem nesse momento esteja se sentindo exatamente dessa forma...sem esperanças, abatido(a), sem forças, solitário, precisando de um amigo, de uma mão forte que você possa segurar e sentir-se seguro, de uma ajuda, uma palavra. Tudo bem, você pode ter amigos, mas a verdade é que os amigos só podem te ouvir enquanto Deus é o único que pode te dar a paz e a SOLUÇÃO que você tanto precisa.

Então se quiser chorar, conversar, expor os seus problemas e lutas que tem enfrentado, procure um lugar tranquilo e dobre seus joelhos...sim não tenha vergonha e peça a Deus que te ajude conta pra Ele o que você tem passado, esvazia seu coração diante DELE e deixa Ele cuidar de você, abra seu coração que com certeza e falará contigo e tenho certeza que quando você terminar de falar com Ele você sentirá dentro de si uma força muito grande que vai te levantare te dar um novo ânimo para lutar e vencer tudo seja lá o que for, pois para Deus não há impossíveis!

A verdade é como eu estava pensando aqui, qual é o mais fácil a se fazer quando as lutas vem?? Se sentar, chorar e ficar lamentando e reclamando da vida ou se ajoelhar, falar com Deus e confiar que Ele sim pode mudar a situação?? Com certeza o mais fácil é a pessoa aceitar os problemas e ficar se lamentando!

Por isso te pergunto, em meio a situação que você tem enfrentado qual escolha você vai fazer, lutar ou se conformar??? Eu já fiz a minha e você o que está esperando para fazer a sua ?

Pense Nisso!!!!!!



"...vós que temeis o SENHOR, louvai-o; glorificai-o, vós todos, descendência de Jacó; reverenciai-o, vós todos, posteridade de Israel. Pois não desprezou, nem abominou a dor do aflito, nem ocultou dele o rosto, mas o ouviu, quando lhe gritou por socorro. "
Salmos 22: 23 e 24



Carta de Amor (LINDA)


Eu te amo pelo o que você é. Eu te amo pela sua beleza (interior e exterior), pela sua sinceridade, pelo seu carinho, seu respeito, seu romantismo.

Eu te amo pelo o que você é. Uma pessoa boa, amorosa e sensível.Eu te amo pelo o que você é. Como falo, um "homem feminino".

Eu te amo pelo o que você é. Eu te amo pelo seu amor e pela sua força interior.Eu te amo pelas suas qualidades e defeitos.Eu te amo pelo o que você é.

Um homem nobre, extraordinário.E é porque eu te amo é que estou com você.Estou com você por você, pelo o que você é, pelo muito que você me dá.

Estou falando de carinho, de amor, de respeito, de força, compreensão, cumplicidade, amizade... Estou falando de que é realmente importante, do que realmente fica nesta vida.

O resto é passageiro.Você está passando por uma fase difícil; e como fase, é passageira. Com o tempo tudo vai voltar ao normal, porque você merece, faz por merecer.

Encare esta fase como uma fase de aprendizado, de crescimento.E enquanto ela não passa, e por toda a vida, pode ter certeza, estarei sempre ao seu lado, pro que der e vier.Porque EU TE AMO.

OBS.: um ano e meio... Às vezes tenho a impressão que foi ontem e, às vezes, parece que já foram uns sete, oito anos...Tenho essa sensação pela profundidade do nosso relacionamento, pela cumplicidade, união... Ainda bem, né!?. Amo você.

Não desista!


Quando as coisas não vão bem, como pode acontecer,

Quando a estrada só vai para cima e nunca parece descer,

Quando o dinheiro é pouco, e as dívidas como o mar,

Quando se quer sorrir, mas só se pode chorar,

Quando há cuidados que nos querem oprimir,

É preciso descansar, mas nunca desistir! Com suas reviravoltas,

a vida vai correndo E todos nós acabamos aprendendo

Que muitos dos nossos erros poderiam ser evitados

Se tivéssemos persistido e não desanimado.

Não desista então, mesmo que a coisa não caminhe,

Você pode vencer, com só mais uma forcinha!

Sucesso não passa de fracasso às avessas,

É o brilho que se vê ao redor das nuvens mais espessas.

Você nunca sabe se está prestes o seu alvo de atingir,

Pode estar chegando, embora não o possa discernir;

Portanto, continue lutando quando a dura luta chegar,

Quando tudo parece pior é que você não pode desanimar!


DIA DOS NAMORADOS (AMOR)


Busquei em rostos e sorrisos,

Procurei em festas e florestas,

Percorri caminhos e trilhas,

E quando pensei que não mais encontraria

A minha alma gêmea a minha felicidade,

Eis que surgiu em minha frente o motivo de Minha busca;

e como uma criança pura e

Inocente me entreguei por completo a você,

Que como um anjo celestial iluminou a minha.

Estrada renovando em mim um novo espírito,

ensinando-me a difícil arte do amor;

Juntos vivemos todas as emoções possíveis,

Crescemos com nossos sentimentos,

Compartilhando tristezas e alegrias.

Não Somos apenas mais um casal, mas amigos,

Amantes, cúmplices e namorados...

TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA!!


Esta mensagem me emocionou bastante e fez-me repensar mais uma vez João 3:16: “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.

Dia desses estava conversando com uma amiga pelo telefone, quando, de repente ela disse: “Te amo do tamanho da girafa”. Fiquei surpreso com a frase, mas não com o afeto que continha nela, pois ao longo dos anos de nossa amizade, sempre tivemos a cumplicidade de expressar nossos sentimentos ao outro. Minha surpresa tinha relação com o que tal frase realmente significava amor do tamanho de uma girafa? O que seria?
“Minha amiga explicou que durante uma de suas aulas (ela é professora), foi exatamente esta frase que ouviu de uma de suas alunas com idade entre 4 e 5 anos. Contou que durante uma de suas explicações, a garotinha olhou-a bem nos olhos e anunciou: “Pro, eu te amo do tamanho da girafa!” E voltou aos seus afazeres, sem mais nada dizer. Sem que a professora pudesse aprofundar-se no tema.
“Tal situação invadiu os meus pensamentos, passei dias refletindo: “o que realmente está contido nesta frase?”. Nós adultos temos a incrível necessidade de questionar tudo, de ampliar tudo, de querer entender tudo… Mas…quanto amor de amor significa: “Te amo do tamanho da girafa”. Será que nós…adultos…somos capazes de quantificar tal expressão?E se formos…. será que realmente somos capazes de entender seu real significado? Sabemos que as crianças durante a primeira infância raciocinam através do pensamento concreto e são incapazes de abstrair. É só com o seu desenvolvimento que sua forma de pensar também se transforma. Mas, se por um lado, quando criança ela não entende o abstrato, é com ela também que muitos de nós aprendemos nossas maiores e mais importantes lições, pois a criança é capaz de sentir e expressar-se sem culpa, vergonha e restrições. A criança é capaz de avaliar, comparar e expressar seus pensamentos de uma forma invejavelmente libertadora.
“Impossível é então, deixar de perguntar: “Quanto é amar do tamanho da girafa?” Amar muito? Amar de forma grandiosa? É amar o mais alto que a vista seja capaz de enxergar? Em quê pensava esta criança ao expressar-se assim? Nunca saberemos a verdade, se é que é realmente importante conhecê-la, só teremos a certeza de que a professora, dela mereceu a confissão.
“E nós? Adultos? O que amamos do tamanho da girafa? Ou ainda… Quando nos perdemos desta pureza de sentimentos? Quando deixamos de nos expressar? Quando começamos a mentir? A omitir… Coisas, pensamentos e sentimentos? Quando iniciamos esta loucura que vemos hoje? Pais que matam e mutilam filhos. Filhos que são arremessados de janelas de casas ou de carros; netos que maltratam seus avós; filhos que, por ciúmes, doença ou ganância, cometem crimes bárbaros contra seus pais?
“Quando deixamos de amar alguém “do tamanho do tamanho da girafa” e passamos a amar outras coisas? O que nós amamos do tamanho da girafa? Poder? Prestígio? Dinheiro? Status? Posição Social? Quando deixamos de amar? Quando nos deixamos? E nos trocamos…nos trocamos pelo quê? Será que trocamos o ser pelo ter? Ou “nós” pelo “eu”? A sensação que possivelmente teremos, ao observarmos uma criança, é que a vida é bem mais simples do que nós adultos planejamos e fazemos dela. A vida é como decidimos que ela seja, em outras palavras, como escolhemos vivê-la…
“Esta criança sábia utilizou-se certamente do maior animal que conhecia, para falar do tamanho do seu amor pela professora. Não precisou de títulos para nos ensinar o óbvio: que o amor é para ser expressado, compartilhado, sentido, confessado e vivido!
“Esta criança foi sábia porque não teve pudores, pois… ama e diz… e, certamente, disse no instante em que sentiu… pois não esperou terminar o ano para dizê-lo, não esperou terminar o dia para confessá-lo, não esperou sentir-se amada para revelar… apenas disse no instante em que sentiu! Por isso, sua sabedoria está além de títulos, simplesmente porque soube manifestar o seu amor a alguém… simplesmente porque foi honesta com seus sentimentos, generosa com o próximo.
“Os consultórios de psicologia estão repletos de pessoas cuja queixa faz relação ao amor e a carência em encontrá-lo. Amor não somente na forma… homem x mulher… e suas variáveis, mas o amor entre pais e filhos, filhos e pais; amor entre os amigos; amor pelo que se faz, pelo que acredita, por uma causa, uma crença… um valor!
“Ao invés disso, observamos a competição, a correria, a acomodação, o deixar para amanhã, o individualismo, a falação desenfreada e desconexa, a argumentação dos próprios valores sem que haja empatia pelo outro.
“Amar do tamanho da girafa” deveria ser um projeto de vida, uma filosofia… Um novo conceito do milênio, porém, ao invés disso, intelectualizamos, criamos teorias… quando talvez o mais sensato fosse apenas dizer: “Eu te amo!”
- “Você é muito importante na minha vida!”.
“Quem sabe deveríamos dizer mais vezes e a mais pessoas:
- Eu te amo!
“Amar, amar e amar e expressar o amor, sem que necessariamente espere-se algo em troca! John Lennon já dizia: “só precisamos de amor!”
“A idéia aqui, não é, intelectualizar a atitude da criança, mas simplesmente… imitá-la em nossas vidas e com aqueles que amamos para que, dessa forma, cada um deles saiba da importância que possui em nossa existência, para que cada um deles saiba o verdadeiro lugar que ocupam em nossos corações.
“Sábia criança… Sábias palavras! É a única conclusão que precisamos fazer. E você? Quer dizer “EU TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA” para alguém hoje? Experimente!
“Quem sabe você será o (a) maior beneficiada com tal altitude? Certamente sei que você é capaz de compreender a grandeza dessa frase, assim, é merecedora de ouvir:
EU TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA!”

Testemunho Emocionante...


Médico Ateu se Converte

Este testemunho me fez chorar. Quero dividí-lo com você. Leia devagar e com a devida atenção que merece!

Testemunho enviado por e-mail:

Bispo Macedo,
meu nome é Pedro Dante. Eu e minha esposa Antonia enviamos ao senhor este e-mail e desejamos ardentemente que ele chegue até ao senhor. Ele relata o meu encontro com Deus.
Bispo, sou formado em medicina e, outrora, totalmente descrente dessa fé. A mesma fé que minha esposa e minha nonna (avó; somos italianos bispo) sempre creram quando chegaram à IURD. Sempre dependi da força de meus braços, dos meus estudos, orgulhoso da medicina que através de mim salvava vidas. Minha esposa há 12 anos lutou por mim, pela minha salvação. Eu nunca aceitei ela me dizer nada a respeito de DEUS ou da IURD. Sempre fomos de condições financeiras ótimas, nunca dependi de ninguém. Minha esposa muito sabiamente sempre lutou pela minha salvação em silêncio, até porque ela sabia e conhecia o marido que tinha. Orgulhoso, que nunca aceitaria ela me falar de DEUS e da sua fé.
Até que em setembro de 2008 aconteceu, na minha vida, o inesperado. Como sou um médico conhecido e reconhecido, recebi um chamado de um amigo para ir até Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, acompanhar um caso de dengue hemorrágica. Neste caso, eu estaria indo ate lá para fazer uma autópsia. Só o corpo desfalecido para, então, ajudar a medicina a encontrar uma injeção contra todos os tipos de dengue.
Era uma jovem de 26 anos, mas bispo, quando eu cheguei, ela já havia sofrido com traumas como paradas respiratórias e estava em coma induzido. Minha junta médica iria controlar a febre e a hemorragia. Como médico, nunca havia visto uma dengue hemorrágica naquele estado, mesmo assim, havia algo diferente no semblante dela.
Essa jovem, uma guerreira de fé, bispo, e da mesma fé que minha esposa tem. Quando cheguei com minha equipe médica, avaliamos o caso e ela estava muito mal. Era para estar morta, devido a muitas paradas respiratórias. Durante a madrugada, quando ela saiu do coma, minha equipe me chamou.
Eu ainda não havia conversado com ela devido ao seu estado. Ela me disse: Doutor, eu não sei o que o Senhor Jesus vai fazer nessa noite, não sei o que Ele quer, mas sei que a vontade d’Ele vai ser feita na minha vida. E, mesmo se Ele quiser me levar hoje, o senhor não poderá fazer nada. Pode ficar fazendo massagens, dar choques, o que o senhor tiver de fazer, mas só volto se DEUS assim quiser porque minha vida está n’Ele!
Bispo Macedo, aquilo foi um absurdo para mim, porque eu, com todo o meu orgulho, nunca aceitaria uma menina me dizer aquilo. Ela foi realmente abusada. Ninguém antes havia falado comigo daquela forma em toda minha vida. O detalhe é que ela nunca tinha me visto antes. Eu disse à equipe que trabalha comigo: Quem é o profissional aqui? Quem estudou e se especializou na medicina humana durante anos, e agora vem essa jovem, uma menina me afrontar dessa maneira. Quem ela pensa que é? Enquanto eu estudava e salvava vidas, ela estava na igreja servindo a esse DEUS dela!
Bispo, eu sai do quarto dessa jovem que se chama Charlene. Eu sai dali aos berros, irado com tudo aquilo. Ela, mesmo naquela situação, crendo no que não via, porque ela estava aos frangalhos. Quando mais uma vez, o inesperado aconteceu. Naquela madrugada, bispo, essa jovem veio a falecer. Na mesma hora, recordei o que ela havia me dito poucos minutos antes. Rapidamente, comecei a fazer as massagens e usei o desfibrilador. Fiquei durante 40 minutos tentando reanimá-la. Já esgotado das minhas forças, minha equipe parou de me auxiliar e ficou me olhando. Quando o meu auxiliar-chefe e amigo segurou os meus braços e disse: Pedro, chega ela morreu; acabou!
Bispo, eu sai daquele lugar e fui chorar humilhado. Eu disse à minha equipe: “Eu nunca perdi ninguém nesses 35 anos de medicina, e vem essa jovem abusada e me envergonha diante de todos com essa fé nesse DEUS dela (sempre me lembrando da minha esposa que é da mesma fé e igreja da Charlene). Minha junta médica, de cabeça baixa, diante da minha ira e meu transtorno. Depois de alguns minutos, me controlei, recuperei o ar e fui à família dizer que a Charlene havia vindo a óbito.
Eu conversava com a família: Eu fiz tudo que eu pude tentando trazê-la à vida, mas a Charlene veio a óbito. QUANDO A ENFERMEIRA ENTRA CORRENDO E GRITANDO NA SALA: DOUTOR PEDRO, A PACIENTE NÃO MORREU. ELA VOLTOU!!!!!!!!!!!!! BISPO MACEDO, DEPOIS DE TENTAR E ESGOTAR A MINHAS FORÇAS E TODOS OS MEUS CONHECIMENTOS MÉDICOS, E COMUNICAR À FAMILIA O ÓBITO, ELA VOLTA DO NADA. EU JA TINHA DADO O HORÁRIO DE ÓBITO. ELA ESTAVA EM OUTRA SALA. TODOS COM OS PREPARATIVOS NECESSÁRIOS E EU COM A FAMÍLIA DELA. QUANDO ELA VOLTA….
A MINHA CABEÇA NÃO ENTENDEU NADA. REALMENTE, DE NADA ME SERVIRAM OS ANOS DE ESTUDOS, ESPECIALIZAÇÕES E FORMAÇÃO DIANTE DAQUILO. QUANDO ENTREI NA SALA, ELA ESTAVA SENTADA, ‘SORRINDO’. FUI EXAMINÁ-LA, PERPLEXO, SEM ENTENDER NADA, SEM AO MENOS CONSEGUIR OLHA-LA NOS OLHOS.
Sai dali e fui ligar para minha esposa que estava em Campinas (SP), onde morávamos. Ela estava acordada, preparando tudo, porque estávamos de mudança para Portugal. Eu disse para ela: Antonia me ajude, porque não sei o que aconteceu. Não estou entendendo nada.
Expliquei para ela tudo que tinha acontecido naquela madrugada. Antonia disse: Pedro, meu querido, eu sabia que isto um dia iria acontecer. DEUS iria quebrar a suas pernas para você conhecê-lo. Fica tranquilo que tudo vai ser esclarecido. DEUS fez tudo isso só por tua causa.
Chorei muito naquela madrugada. Não consegui dormir enquanto não amanheceu para então conversar com essa jovem.
Pela manhã, logo cedo, fui vê-la. Bispo Macedo, ela me falou de JESUS, de todo o sacrifício d’Ele por mim. Ela me falou que está nas mãos de DEUS e que, em tempo algum, teve medo, porque sabia em quem ela tem crido. E me convidou para ir à Catedral, no domingo, pela manhã, antes de retornar a São Paulo. Disse que eu não tinha mais tempo a perder para participar da reunião na Igreja Universal.
Então, disse a ela que minha esposa, Antonia, era dessa igreja havia 12 anos, e sempre quis me levar com ela. Sempre lutou por mim. Charlene disse: DEUS ouviu as orações da sua esposa, doutor. Os propósitos dela a teu favor. Nessa madrugada, O MEU DEUS teve de usar uma ‘morta’ pra salvar a sua alma, porque Ele havia usado muitos ‘vivos’ ,mas o senhor não dava ouvidos para DEUS.
Fui até a Catedral de Campo Grande (MS), onde o bispo disse: que DEUS age quando a medicina não pode mais agir. Que esse é o DEUS na Igreja Universal. Até pensei que a Charlene ou alguém havia dito para ele o que aconteceu, mas era DEUS falando para mim. Participei da reunião ainda perplexo com tudo aquilo. Sai dali com aquelas palavras e ainda tentando entender tudo que havia acontecido. Conversei com os pastores e esposas amigos da dona Charlene que acompanharam tudo de perto, pelo telefone e e-mails, porque eles moram em Porto Alegre (RS). São eles: Pr. Davyd Windsor e dona Jecy, Pr. Cristiano e Dona Paula, como dona Charlene diz, amigos mais próximos que irmãos na vida dela. O pr. Davyd, por e-mail, me disse : Dr. Pedro, desde o começo, o alvo não era a Charlene, porque ela já está salva! O alvo de DEUS era o senhor!
Bispo, voltei para São Paulo, encontrei minha esposa, a Antonia. No ato, ela me disse que eu não era o mesmo Pedro que ela havia visto da última vez! Mesmo com a viagem marcada para Portugal fomos até a IURD do Brás, onde pedimos aos pastores para conversarmos com o Bispo Romualdo, Bispo Jadson ou o pr. Edson, mas a pastora disse que o Bp. Romualdo estava viajando e que o Bp. Jadson e o pr. Edson não estavam atendendo. Mesmo assim, participei da reunião com a minha esposa.
O bp. Jadson chamou as pessoas que queriam entregar a vida para DEUS. Eu fui até a frente e me entreguei. Imediatamente, houve a PAZ, O GOZO. Havia saído TONELADAS das minhas costas. Agora entendo tudo o que DEUS fez por minha alma. O sacrifício do SEU FILHO, O MEU SENHOR JESUS. HOJE, EU O ASSUMO COMO MEU SENHOR. Entendo que o que aconteceu em Campo Grande foi para eu conhecer a DEUS. Tenho um encontro com DEUS! Hoje moramos em Portugal. Estou construindo o meu Hospital. Meus filhos também já eram da IURD junto com a minha Antonia. A minha nonna (in memorian), que lutou por mim, pode sentir em mim o perfume de JESUS. Ela também era da IURD. No terremoto que teve na Itália, em L’aquila, minha nonna foi ter com JESUS. Sou conformado porque ela está salva e, se o mesmo acontecer comigo, tenho certeza que estarei salvo.
Bom, Bispo Macedo, esse foi o meu encontro com DEUS. Tentei resumi-lo e não entrar em tantos detalhes… mas é isso, Deus me salvou, reconheço que só Ele tem domínio e Poder de tudo. E que tudo é possível àquele que crê. Até para a morte!
Dias depois de tudo que ocorreu naquele hospital, foi internada uma paciente com dengue hemorrágica. Ela faleceu. Só uma detalhe bispo: Essa outra paciente servia aos encostos e o semblante dela era pesado, triste. Faleceu com o rosto de agonia, totalmente diferente e oposto ao que eu havia visto dias antes, o Poder de DEUS.
Dona Charlene está totalmente recuperada, sem nenhuma sequela, para quem teve 13 paradas respiratórias, hemorragias internas, ficou 40 minutos sem batimentos cardíacos e respiratórios, entre comas e comas induzidos. Depois disso tudo, ressuscitar sorrindo é realmente um milagre do Poder do nosso DEUS! Ela me disse que não é contra a medicina, que é de DEUS, mas é limitada. E o nosso DEUS não tem limites! Antonia agradeçe a DEUS todos os dias pelo que aconteceu porque o antigo Pedro, orgulhoso, nunca reconheceria que isso é um milagre, se não acontecesse comigo.
Espero que esse e-mail chegue ao senhor Bispo. Me perdoe por tudo que disse do senhor e da sua fé antes. Já pedi perdão à Antonia porque eu a chamava de ‘Macedina’. Por favor bispo, minha sinceras desculpas, e meu grande agradecimento pelo senhor ter sido perseverante diante de tantas dificuldades que viveu ( Li o LIVRO ‘O BISPO’) para resgatar as almas e a minha alma.
*Detalhe bispo, antes eu era conhecido como ”DR. HOUSE” incrédulo! Hoje Dr. Pedro, um homem nascido de DEUS.
Em fé, Pedro Dante e Família.


(Retirado do Blog do Bp.Macedo)

ESTOU "COZINHANDO" NO MERCADO?


"Se você colocar um sapo numa panela com água fervente, em ebulição, a 100 graus, ele por certo reagirá rapidamente e pulará fora da panela. Porém, se você colocar o mesmo sapo numa panela com água fria e colocar essa panela no fogo, o sapo não pulará. Ficará quieto sentindo a água esquentar- acomodado com a situação e gostando do calor, e vai, esquentar, esquentar até que morrerá cozido".

Essa pequena estória, contada há muitos anos e tornada famosa nos livros de Peter Senge, nos dá uma enorme lição: o perigo de não percebermos uma situação perigosa quando ela traz suas graves conseqüências lentamente.

Muitas pessoas e empresas sofrem da síndrome do sapo cozido. Como as situações de mercado, concorrência, problemas de qualidade, etc. não ocorrem de uma hora para outra, essas pessoas e empresas não percebem do risco fatal que estão correndo e ficam esperando para ver o que vai acontecer. Até percebem que o ambiente está "esquentando" porém, não têm a atitude correta de pular logo para outra situação e agir rapidamente para não morrerem cozidos.

A melhor atitude que poderemos ter hoje em dia, numa época de extrema competição e rapidez é procurar perceber as mudanças e mudar. Temos que desenvolver em nós uma aguçada percepção para sabermos a hora exata de mudar, de criar novas situações, de reinventar o que fazemos. Do contrário, morreremos cozidos.

Pense nisto. Não estaremos nós também com a síndrome do sapo cozido? Estamos prestando toda a atenção ao ambiente de negócios em que vivemos para mudarmos rapidamente? Temos consciência de que a pior atitude que podemos ter é esperar demais?

O que é um cão?? E o que é um gato??


O que é um cão?
Cães passam o dia inteiro deitados, esparramados sobre a poltrona mais confortável da sala; Eles podem escutar uma embalagem de comida sendo aberta a um quarteirão, mas não te escutam quando você está no mesmo aposento;
Eles parecem estúpidos e adoráveis ao mesmo tempo; Eles rosnam quando não estão contentes; Quando você quer brincar, eles querem brincar; Quando você não quer brincar, eles querem brincar; Eles sabem como suplicar muito bem... Eles vão te amar para sempre se você acariciar a barriga deles; Eles deixam seus brinquedos por toda à parte; Eles fazem coisas nojentas com a boca e depois tentam te dar um beijo.

CONCLUSÃO: Segundo as mulheres, eles não passam de HOMENS, um pouco menores.


O que é um gato?
Gatos fazem o que eles querem; Eles raramente te escutam; Eles são praticamente imprevisíveis; Eles arranham quando não estão contentes; Quando você quer brincar, eles querem ficar sozinhos; Quando você quer ficar sozinho, eles
querem brincar; Eles querem que você atenda a cada um de seus caprichos; Eles são temperamentais; Eles deixam pêlos por toda à parte; Eles te deixam maluco e te custam os olhos da cara.

CONCLUSÃO: Segundo os homens, eles não passam de MULHERES, um pouco menores.


Masssssssssssss.................Um não vive sem o outro...........hehehe...

Cuide dos seus Filhos...Deus Agradece!

Numa favela do Rio de Janeiro (Mas poderia ser em qualquer estado do Brasil ou em qualquer lugar do planeta)

TRAFICANTE: Fala aê mermão...

VICIADO: Me arruma um pó de cinqüenta.

TRAFICANTE: Segura aê...Sangue bão!

VICIADO: Valeu cumpadi...até mais...

TRAFICANTE: Aê mano! O pó tá acabando... mas amanhã a gente vai invadir o morro ali do lado. Vamú tomá as boca e ficá cus bagulho...Vamú arregaçá geral, tá ligado?

VICIADO: Já é. Demorô.... invade mermo... domina geral...Se entrar na frente mete bala de "AK".

TRAFICANTE: Valeu, "preibóy"... É nois na fita...Vamú quebrá junto e misturado.

(no outro dia, de manhã, na casa do viciado)

- Bom dia meu filho... que cara é essa...??

- Nada, mãe...pô desgruda...tô legal

- Você está bem mesmo filho?

- Tô bem, pô!! Que saco...me deixa em paz...merda. (a essa altura, o filho ainda drogado se tranca no quarto. A mãe preocupada bate da porta...)

- Meu filho... estou indo pro trabalho... deixei seu café pronto, um beijo, fique com Deus filhinho...qualquer coisa telefona, tá?

- Não enche... vai logo... (a mãe pega o carro e se dirige ao trabalho, quando de repente em uma rua qualquer....)

- Paraê Tia... perdeu... perdeu...Sai... Sai... Sai...(em desespero a pobre mulher tenta fugir e arranca com o carro e aí uma rajada de tiros acontece...) (poucos minutos depois, na casa do viciado, o telefone toca)

- Alô!

- Quem fala?

- Quer fala com quem?

- Aqui é o Tenente Alberto, eu poderia falar com algum parente da Sra Rita?

- Po...polícia?? (o viciado, com medo, desliga o telefone sem ouvir o policial. Toma café, liga a TV, remexe o armário da mâe em busca de dinheiro e, minutos depois, sai de casa pra comprar mais pó. Logo a frente avista um tumulto e se aproxima. Aí tem uma visão terrível...)

- Mãeeeeeeeeeeee !!! Não! Não! Como isso pode acontecer?

O Tenente Alberto consola o rapaz:

- Sinto muito, filho, traficantes tentaram roubar o carro de sua mãe pra invadir um morro... ela tentou fugir e eles a mataram.

- Mãeeeeee! Nãããããão....Ah! Meu Deus!

Mais um vida ceifada pela violência que une a doença à vagabundagem e que retrata a atual realidade do mundo.Se você conhece algum dependente químico (o que não é nem impossível e nem muito difícil) mostre este relato a ele e diga:

"Antes de curtir uma onda nova;Antes de dar um tequinho inocente; Antes de fumar um bagulhinho natural; Antes de dar dinheiro ao tráfico para que eles comprem um arsenal e matem alguém que você realmente gosta, pare e faça algo que você não faz há muito tempo...Pense!"

Isso tudo que está acontecendo, na maioria dos casos, tem origem na desagregação da instituição mais importante da nossa vida: A Família. Cuide do seu filho antes que um traficante o adote. Jamais abandone um dependente químico. Com a sua ajuda, a chance de recuperação, pode chegar a quase 100% e sem a sua ajuda ele será destruido. Envide todos os esforços para salvar um vida. Deus agradece!

Os Três Conselhos.

Um casal de jovens recém-casados, era muito pobre e vivia de favores num sítio do interior. Um dia o marido fez a seguinte proposta para a esposa:
“Querida eu vou sair de casa, vou viajar para bem longe, arrumar um emprego e trabalhar até ter condições para voltar e dar-te uma vida mais digna e confortável. Não sei quanto tempo vou ficar longe, só peço uma coisa, que você me espere e enquanto eu estiver fora, seja FIEL a mim, pois eu serei fiel a você. ”
Assim sendo, o jovem saiu. Andou muitos dias a pé, até que encontrou um fazendeiro que estava precisando de alguém para ajudá-lo em sua fazenda. O jovem chegou e ofereceu-se para trabalhar, no que foi aceito. Pediu para fazer um pacto com o patrão, o que também foi aceito. O pacto foi o seguinte:
“Me deixe trabalhar pelo tempo que eu quiser e quando eu achar que devo ir, o senhor me dispensa das minhas obrigações. EU NÃO QUERO RECEBER O MEU SALÁRIO. Peço que o senhor o coloque na poupança até o dia em que eu for embora. No dia em que eu sair o senhor me dá o dinheiro e eu sigo o meu caminho”.
Tudo combinado.
Aquele jovem trabalhou DURANTE VINTE ANOS, sem férias e sem descanso. Depois de vinte anos chegou para o patrão e disse:
“Patrão, eu quero o meu dinheiro, pois estou voltando para a minha casa.”
O patrão então lhe respondeu:
“Tudo bem, afinal, fizemos um pacto e vou cumpri-lo, só que antes quero lhe fazer uma proposta, tudo bem? Eu lhe dou o seu dinheiro e você vai embora, ou LHE DOU TRÊS CONSELHOS e não lhe dou o dinheiro e você vai embora.Se eu lhe der o dinheiro eu não lhe dou os conselhos; se eu lhe der os conselhos, eu não lhe dou o dinheiro. Vá para o seu quarto, pense e depois me dê a resposta. ”
Ele pensou durante dois dias, procurou o patrão e disse-lhe: “QUERO OS TRÊS CONSELHOS.” O patrão novamente frisou: “Se lhe der os conselhos, não lhe dou o dinheiro.” E o empregado respondeu: “Quero os conselhos.”
O patrão então lhe falou:1. NUNCA TOME ATALHOS EM SUA VIDA. Caminhos mais curtos e desconhecidos podem custar a sua vida.2. NUNCA SEJA CURIOSO PARA AQUILO QUE É MAL, pois a curiosidade para o mal pode ser mortal.3. NUNCA TOME DECISÕES EM MOMENTOS DE ÓDIO OU DE DOR, pois você pode se arrepender e ser tarde demais.
Após dar os conselhos, o patrão disse ao rapaz, que já não era tão
jovem assim: “AQUI VOCÊ TEM TRÊS PÃES, estes dois são para você comer durante a viagem e este terceiro é para comer com sua esposa quando chegar a sua casa”. O homem então, seguiu seu caminho de volta, depois de vinte anos longe de casa e da esposa que ele tanto amava.
Após primeiro dia de viagem, encontrou um andarilho que o cumprimentou e lhe perguntou: “Pra onde você vai?”Ele respondeu: “Vou para um lugar muito distante que fica a mais de vinte dias de caminhada por essa estrada.”O andarilho disse-lhe então: “Rapaz, este caminho é muito longo, eu conheço um atalho que é dez, e você chega em poucos dias.”
O rapaz contente, começou a seguir pelo atalho, quando lembrou-se do primeiro conselho, então voltou e seguiu o caminho normal. Dias depois soube que o atalho levava a uma emboscada.
Depois de alguns dias de viagem, cansado ao extremo, achou pensão à beira da estrada, onde pode hospedar-se.Pagou a diária e após tomar um banho deitou-se para dormir.De madrugada acordou assustado com um grito estarrecedor. Levantou-se de um salto só e dirigiu-se à porta para ir até o local do grito. Quando estava abrindo a porta, lembrou-se do segundo conselho. Voltou, deitou-se e dormiu.
Ao amanhecer, após tomar café, o dono da hospedagem lhe perguntou se ele não havia escutado gritos durante a noite, e ele respondeu que sim. O hospedeiro perguntou-lhe se não estava curioso a respeito, e ele respondeu que não. O hospedeiro prosseguiu: “VOCÊ É O PRIMEIRO HÓSPEDE A SAIR DAQUI VIVO, pois meu filho tem crises de loucura, grita durante a noite… e quando o hóspede sai, mata-o e enterra-o no quintal.”
O rapaz prosseguiu na sua longa jornada, ansioso por chegar a sua casa. Depois de muitos dias e noites de caminhada… Já ao entardecer, viu entre as árvores a fumaça de sua casinha, andou e logo viu entre os arbustos a silhueta de sua esposa. Estava anoitecendo, mas ele pode ver que ela não estava só. Andou mais um pouco e viu que ela tinha entre as pernas, um
homem a quem estava acariciando os cabelos.
Quando viu aquela cena, seu coração se encheu de ódio e amargura e decidiu-se a correr de encontro aos dois e a matá-los sem piedade. Respirou fundo, apressou os passos, quando lembrou-se do terceiro conselho. Então parou, refletiu e decidiu dormir aquela noite ali mesmo e no dia seguinte tomar uma decisão.
Ao amanhecer, já com a cabeça fria, ele pensou: “NÃO VOU MATAR MINHA ESPOSA E NEM O SEU AMANTE. Vou voltar para o meu patrão e pedir que ele me aceite de volta. Só que antes, quero dizer a minha esposa que eu sempre FUI FIEL A ELA”.
Dirigiu-se à porta da casa e bateu. Quando a esposa abre a porta e o reconhece, se atira em seu pescoço e o abraça afetuosamente. Ele tenta afastá-la, mas não consegue. Então, com lágrimas nos olhos lhe diz: “Eu fui fiel a você e você me traiu…” Ela espantada lhe responde: “Como? Eu nunca lhe trai, esperei durante esses vintes anos!” Ele então lhe perguntou: “E aquele homem que você estava acariciando ontem ao entardecer?”
“AQUELE HOMEM É NOSSO FILHO. Quando você foi embora, descobri que estava grávida. Hoje ele está com vinte anos de idade.” Então o marido entrou, conheceu, abraçou o filho e contou-lhes toda a sua história, enquanto a esposa preparava o café. Sentaram-se para tomar café e comer juntos o último pão.
APÓS A ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO, COM LÁGRIMAS DE EMOÇÃO, ele parte o pão e, ao abrí-lo, encontra todo o seu dinheiro, o pagamento por seus vinte anos de dedicação!

Muitas vezes achamos que o atalho “queima etapas” e nos faz chegar mais rápido, o que nem sempre é verdade…Muitas vezes somos curiosos, queremos saber de coisas que nem ao menos nos dizem respeito e que nada de bom nos acrescentará… Outras vezes, agimos por impulso, na hora da raiva, e fatalmente nos arrependemos depois…
Espero que você, assim como eu, não se esqueça desses três conselhos e que, principalmente, não se esqueça de CONFIAR em DEUS… (mesmo que a vida, muitas vezes já tenha te dado motivos para a desconfiança).

A melhor ferramenta...

Conta-se que, certa vez, em uma carpintaria, todas as ferramentas se reuniram para tirar as suas diferenças.
O martelo assumiu a Presidência, arrogante. Entretanto, logo foi exigido que ele renunciasse porque fazia muito barulho. Batendo, golpeando sem parar, ninguém agüentava.
O martelo disse que aceitaria sua culpa, desde que o parafuso também fosse retirado da assembléia.
Ele precisava dar muitas voltas para servir para alguma coisa. Com isso, se perdia tempo precioso.
O parafuso aceitou se retirar, desde que a lixa igualmente fosse expulsa. Era muito áspera em seu tratamento e, além do mais, vivia tendo atritos com os demais.
A lixa se levantou e apontou os defeitos do metro. Ele igualmente deveria sair do local, porque sempre ficava medindo aos demais conforme a sua medida. Por acaso, ele estava achando que era o único perfeito?
Enquanto discutiam, entrou o carpinteiro. Colocou o avental e iniciou, feliz, o seu trabalho. Tomou da madeira e usou o martelo, o parafuso, a lixa e o metro.
Depois de algumas horas, a madeira grossa e rude do início tinha se transformado em um lindo móvel.
Ele contemplou a sua obra, elogiou e saiu da carpintaria.
Bastou fechar a porta, para as ferramentas retomarem a discussão. Contudo, o serrote com calma falou:
Senhores, foi demonstrado que todos temos defeitos. Mas também pudemos observar, nas últimas horas, que todos temos qualidades. Foi exatamente com as nossas qualidades que o carpinteiro trabalhou e conseguiu criar uma obra de arte, um móvel muito bem acabado.
Então, todos concordaram que o martelo era forte, o parafuso unia e dava força, a lixa era especial para afinar e limar a aspereza. O metro era preciso, exato em suas medidas.
Sentiram-se como uma equipe capaz de produzir móveis de qualidade. Sentiram-se felizes com seus pontos fortes e por trabalharem juntos.

História adaptada do texto A carpintaria, de autoria desconhecida.

Como surgiu a expressão "para inglês ver"?

Não deve ter existido apenas uma origem para o surgimento dessa expressão, diz John Schimitz, professor de Lingüística Aplicada da Unicamp. Mas, segundo a maioria dos especialistas, a fonte mais provável data de 1831, quando o Governo Regencial do Brasil, atendendo as pressões da Inglaterra, promulgou, naquele ano, uma lei proibindo o tráfico negreiro declarando assim livres os escravos que chegassem aqui e punindo severamente os importadores. Mas, como o sentimento geral era de que a lei não seria cumprida, teria começado a circular na Câmara dos Deputados, nas casas e nas ruas, o comentário de que o ministro Feijó fizera uma lei só para inglês ver. E, de fato, foi isso que aconteceu, diz Regina Horta, professora de História do Brasil-Império da Universidade Federal de Minas Gerais. Apesar do esforço do governo inglês, que defendia o fim do tráfico por motivos que vão desde a pressão da opinião pública interna até seus Interesses coloniais na África, a lei brasileira permaneceu como letra morta por mais de 20 anos." Foi preciso esperar outra lei, promulgada pelo imperador Dom Pedro II, em 1852, para a proibição definitiva do tráfico.

O FIM SE APROXIMA...

“E, certamente, ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; vede, não vos assusteis, porque é necessário assim acontecer, mas ainda não é o fim.” Mateus 24.6
Nos dias atuais tudo o que tem acontecido podemos encontrar na Bíblia e essa é uma prova absoluta de que tudo que nela contém é a mais pura realidade, quer queiram acreditar ou não, mas o fato é que é evidente.
A falta de paz, terremotos, fomes, enchentes e toda sorte de catástrofes que temos visto é um sinal claríssimo da volta do Senhor Jesus para buscar a Sua Igreja.
“Porquanto se levantará nação contra nação, reino contra reino, e haverá fomes e terremotos em vários lugares; porém tudo isto é o princípio das dores” Mateus 24.7-8
Esse caos em que se encontra a humanidade já estava previsto a milhões de anos atrás, quando o Senhor Jesus nos deu o “alerta” para que depois ninguém possa dizer “ah, mas eu não sabia...”... Deus tem dado a oportunidade a cada dia para que a pessoa se entregue de fato e de verdade para Ele e tenha o seu nome escrito no LIVRO DA VIDA, ou seja, tenha a sua salvação.
Muitas são as evidências de que o fim se aproxima, hoje em dia já está em extinção o verdadeiro amor, a lealdade, a consideração pelo próximo, enfim, é a palavra de Deus que já tem se cumprido.
“Nesse tempo, muitos hão de se escandalizar, trair e odiar uns aos outros; levantar-se-ão muitos falsos profetas e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor se esfriará de quase todos.” Mateus 24.10,11-12
Por isso devemos colocar as nossas “barbas” de molho, ou seja, vigiar e perseverar a cada dia guardando o nosso coração e mantendo a nossa salvação dia após dia até que o Senhor Jesus enfim volte e nos leve para viver com o nosso Deus pelos séculos dos séculos.
“Aquele, porém, que perseverar até o fim, esse será salvo. E será pregado esse evangelho do reino por todo o mundo, para testemunho a todas as nações. Então virá o FIM.” Mateus 24.13-14

Que Deus abençoe a todos!
Na fé,
Jaque Campos.

Tempo de Revolta!

Deus vê o que você tem passado
Perseguido, injustiçado, um sufoco desgraçado
Deus vê o seu rosto amargurado
Tantos planos fracassados, tantas noites acordado

Mas o que Deus precisa ver é a revolta em seu olhar
É a vontade de lutar e de ser abençoado
A fé vem pelo ouvir mais o agir pela revolta
Sem lutas não há vitória, sem obras a fé é morta

É tempo de se revoltar, é tempo de agir a fé
Construir os nossos sonhos, ou Deus é ou não é
É tempo de se revoltar, é tempo de agir a fé
É tempo de Deus ver que covarde você não é...

O Tempo Mostra...

As pessoas estão viviendo uma vida de mentiras, dizem ser e não são, dizem fazer e não fazem. Nos decepcionamos quase que diariamente com as pessoas que julgavámos ser amigos, e em alguns casos até irmãos, saímos feridos desses relacionamentos, magoados, tristes, enfim... mas o tempo realmente prova quem é quem, nada melhor que o tempo para nos mostrar a real face das pessoas, o tempo, costumo dizer que é um remédio amargo, mas necessário para sarar qualquer dor...Lembre-se de uma coisa, a única pessoa que nunca irá nos entristecer, magoar e com a única cuja a decepção nunca se fará presente é DEUS, pois o tempo é dirigido por Ele!!!

O SEGREDO PARA A FELICIDADE.

Hoje em dia tem sido comum entre as pessoas, a busca pela realização profissional, familiar, enfim pela realização pessoal. As pessoas têm buscado com todas as suas forças alcançar status, sucesso, reconhecimento e toda sorte de coisas tentando assim preencher o vazio que trazem dentro de si. Sustentam em si o pensamento que fazendo tamanho esforço, muita das vezes trabalhando dia e noite sem ao menos lhes sobrar tempo para passar com os entes queridos, conseguiram preencher esse vazio que carregam em si. Mas se analisarmos bem, já se vê ai um grande erro, pois se querem ser bem sucedidas em tudo porque muitas das vezes gastam seu tempo trabalhando tanto que já não lhes sobra mais tempo para nada? Isso tudo se dá pela falta de controle e de equilíbrio. Mal sabem, mas o que realmente lhes falta é algo muito maior do que podem imaginar,que é uma força maior e única, capaz de lhes dar o que realmente precisam para vencer e serem realmente felizes e realizadas em tudo. E essa força somente se pode encontrar no Criador, pois Ele é o único capaz de entender as nossas necessidades e também de nos dar a condição de realizá-las. Pois quem melhor do que o Criador para entender a sua criatura e suas respectivas necessidades? Vejamos o que nos diz a Palavra de Deus a respeito disso:
“Buscai, antes de tudo, o seu reino, e estas coisas vos serão acrescentadas.” Lucas 12.31
Se não houver uma conscientização da parte do ser humano de que somente através da presença de Deus em sua vida se torna possível ser realmente feliz e realizado, dificilmente, ou melhor, será impossível que se alcance esse objetivo tão buscado pelos humanos nos dias de hoje.
“Nada há melhor para o homem do que comer, beber e fazer que a sua alma goze o bem do seu trabalho. No entanto, vi também que isto vem da mão de Deus, pois, separado deste, quem pode comer ou quem pode alegrar-se.” Eclesiastes 2.24-25.
Esse é o verdadeiro segredo para se alcançar a plena felicidade na vida, colocando Deus em primeiro plano na nossa vida e buscando Ele acima de tudo, com toda a certeza iremos alcançar essa tão buscada FELICIDADE.
Na fé,
Jaque Campos.
 
©2009 Elke di Barros Por Templates e Acessorios