Equilíbrio da raiz às pontas


Com cuidados adequados, é possível deixar bonitos os cabelos mistos

Quem tem cabelos oleosos sabe qual xampu deve comprar para acabar com aquele visual grudento no fim do dia e, em geral, lava os fios diariamente. Quem tem madeixas secas, além de estar careca de saber quais produtos usar, precisa fazer constantes hidratações e abusar do leave-in. Quem tem cabelos considerados "normais" também não costuma achar os cuidados necessários com as madeixas um grande mistério. Mas e quem possui cabelos mistos, aqueles que não são nem totalmente oleosos, nem totalmente ressecados? O que fazer?


Em primeiro lugar, descubra se este é o seu tipo de cabelo: "Os cabelos mistos se caracterizam por terem a raiz oleosa e serem secos no comprimento e nas pontas. Isso pode ser resultado de diversos fatores, como o clima, a falta de proteção solar, o uso de químicas (tintura, alisamento), xampus inadequados etc", explica o hair stylist João Salvatore, do salão Veronezi Studio, em Niterói. Outro fator que contribui para deixar as pontas secas é o tamanho dos fios. "Quando o cabelo é muito grande, a oleosidade não consegue alcançar as pontas naturalmente - ela só vai até cinco ou seis centímetros. É por isso que a maioria dos homens não tem cabelos mistos ou secos demais, pois costumam mantê-los mais curtos", esclarece o profissional.

Justamente por isso, uma das formas de tratar dos cabelos mistos é penteá-los e escová-los bem. "Dar mais ou menos 100 escovadas à noite, antes de dormir, todos os dias, ativa a circulação e leva a oleosidade da raiz para o resto dos fios", aconselha a hair stylist Sonia Nesi. As pontas podem ficar ainda mais secas se o cabelo for longo e ondulado. "Geralmente, os cabelos lisos só se tornam mistos devido a químicas fortes, vento, água. Nos frisados, a gordura natural do fio tem maior dificuldade de deslizar até a ponta. Somado a isso, está o fato de não haver o hábito de escová-los ou penteá-los demais, pois podem ganhar volume", diz Sonia.

Uma coisa de cada vez


Não é só pela estética, por causa do aspecto de ressecamento nas pontas, que os cabelos mistos merecem cuidados. O excesso de oleosidade no couro cabeludo pode causar dermatites capilares, caspa e seborréia. Para saber se a raiz está com gordura, é só passar o dedo no couro cabeludo algumas horas depois de lavar a cabeça, por exemplo. A coceira é outro sinal que indica que a oleosidade é um problema. Segundo a cabeleireira Dilma Baptista, do salão Visage Coiffeur, a primeira coisa a se fazer é tratar da raiz. "Primeiro, devemos reduzir a oleosidade, sem maltratar as pontas, para depois melhorar o ressecamento nelas", indica.


Segundo João Salvatore, a princípio, deve-se usar xampus para cabelos oleosos - mas aplicando-os somente no couro. "O Pure Control, da L'oréal, por exemplo, elimina o excesso de oleosidade e reequilibra o couro cabeludo", recomenda o hair stylist. Depois, o ideal é passar outro produto, mais hidratante, no comprimento dos fios. João afirma, no entanto, que hoje já é possível encontrar, em muitos salões, linhas que tratam do fio por completo, com xampus e condicionadores específicos para cabelos mistos. Dilma Baptista cita a linha Spécifique Bain Divalent, da Kérastase, especialmente formulada para equilibrar e nutrir raízes e pontas discrepantes ao mesmo tempo. O xampu e condicionador da linha Mixplant, da Natura, também fazem parte do tratamento dos cabelos mistos.

Outra solução, segundo Dilma, é lavar o cabelo primeiramente com xampu para cabelos oleosos e, em uma segunda lavagem, usar um xampu normal. Mais uma dica importante é verificar o pH do produto antes de comprar ou usar: "Para quem tem as madeixas danificadas, o pH ácido é melhor, pois fecha as cutículas dos fios e garante o brilho e a maciez", destaca Sonia Nesi. Produtos com extratos de melissa, sete ervas, maracujá, algas marinhas e agentes calmantes também trazem resultados positivos.

Pecados graves contra o cabelo

O leave-in, produto pós-lavagem que hidrata e reduz o efeito frizz, também é essencial, principalmente para quem possui madeixas onduladas ou cacheadas. Mas lembre-se: aplique apenas no comprimento e nas pontas. Sonia Nesi adverte que um grande erro cometido por quem tem as madeixas com volume é passar esse tipo de produto na raiz quando não há necessidade. "Se você tem cabelo misto, não precisa passar cremes próximo ao couro. Muita gente entope a raiz de leave-in e mousses, aumentando a oleosidade na região e podendo até atrair fungos que só vão deixar o cabelo pior", alerta Sonia.


De acordo com a hair stylist, existem outros cuidados importantes que precisam ser tomados quando se tem cabelo misto - ou quando não se quer ter! "Lavar com água muito quente ou esfregar demais na hora de secar são dois erros, pois ativam ainda mais a ação de glândulas sebáceas no couro", afirma. A falta de proteção solar (expor os cabelos sem chapéus ou sem usar produtos com filtro) também agride e compromete a uniformidade dos fios. Outros grandes vilões são o secador, quando usado muito perto das madeixas, e a chapinha, que não deve ser passada toda hora, muito menos nas pontas ou sem a ajuda de um fluído protetor. "Tudo isso acaba sobrecarregando o bulbo capilar ou fragilizando os fios. Mesmo que o cabelo não seja misto, ele pode se tornar por causa desses fatores", observa João Salvatore.

Dicas

Confira as principais dicas para deixar seus cabelos mistos mais saudáveis e bonitos:



- Cuide primeiro da oleosidade para depois hidratar e nutrir adequadamente os fios.

- Fique atenta ao xampu e ao condicionador que vai comprar. Preste atenção à indicação e ao pH, que deve ser ácido.

- Inclua nas suas lavagens produtos com extratos de melissa, sete ervas, maracujá, algas marinhas ou agentes calmantes.

- Passe leave-in e mousses hidratantes, mas somente no comprimento e nas pontas. Nada de aplicar cremes na raiz!

- Escove e penteie bastante suas madeixas, principalmente antes de dormir, para que a oleosidade deslize até as pontas.

- Evite lavar os cabelos com água muito quente. Depois banho, não os esfregue demais com a toalha!

- Não exponha demais os cabelos ao sol e ao vento sem usar produtos com filtro solar e outras proteções, como chapéus e bonés.

- Evite deixar o jato do secador muito próximo às mechas. A distância deve ser de, no mínimo, 10 centímetros.

- Evite ao máximo o uso constante de chapinha (principalmente se não for de cerâmica), bem como passá-la nas pontas ressecadas. Utilize sempre um fluído protetor.

Um comentário:

Priscila Almeida disse...

Amigaaa, estas dicas são ótimas, cacá então vai amar, porque ela entende beeem de cabelo, vou mostrar a ela,eu tenho que ter mais cuidados com o meus fios, mesmo..hehe, obrigada pelas dicas, adorei!! Bjoss!!

 
©2009 Elke di Barros Por Templates e Acessorios